My self fit challenge - o balanço!

quarta-feira, março 30, 2016

"Se fosse utilizado o código rodoviário de cores para classificar este primeiro dia eu atirava-lhe um laranja. É o primeiro dia, aquele em que supostamente toda a gente ainda faz tudo bem. São as primeiras 24 horas e o que é que eu faço? Abro aquele pacote de bolachas que me andava a gritar à meses da gaveta e toca de comer 3 pães (não seguidos, calma). "É só uma" digo eu a tentar enganar-me, depois foram umas 6. Para queimar cada uma daquelas pequenas e saborosas monstrinhas é preciso mais do que 1km a correr. Não vale a pena minha gente, não vale a pena..."

"Hoje fui às compras e foi ver-me a comprar coisas saudáveis. Ainda me agarrei a uns cereais que me piscaram o olho, fingindo ser saudáveis e capazes de mesmo assim acabarem com a minha ansiedade pelo chocolate. Fui forte, fiz-lhe cara feia e depois de ler todos os nomes científicos de açucares que continham, larguei-os na prateleira e nem olhei para trás. O meu truque é nem comprar."

Estes foram apenas os relatos de dois dias, agora vamos lá fazer o balanço do mês. Ora bem, não foi fácil, e porquê? Porque o único fim-de-semana que passei em casa foi o da Páscoa, aquele em que se come durante 24 horas seguidas tudo o que está na lista do "não comer!". No primeiro fim-de-semana fui para Guimarães para um congresso, no segundo fui para o hotel Palace na Curia (onde até foram meus amigos porque o cofee-break parecia mais composto por biscoitos de cão do que comida de humano) mais uma vez para um congresso e no terceiro aí fui eu para Aveiro (ai, ovos moles...). A verdade é que nesses dias não me restringi propriamente, por isso a coisa não correu propriamente como devia. 



Ora bem, o que a Nádia propôs foi:

- Trocar o pão branco por pão integral ou de sementes - Aqui em casa ainda se compra pão branco todos os dias, mas aos fins-de-semana lá se vai para o de alfarroba ou de girassol. Está em mudança este ponto, mas confesso que muitas vezes é o meu ponto fraco.

- Reduzir o consumo de sal (lima, limão e ervas aromáticas são excelentes alternativas) - A minha natural falta de jeito para o tempero ajuda aqui, porque normalmente faço as coisas insossas. Para além disso também adoro ervas aromáticas.

- Reduzir o consumo de azeite - Não gosto de azeite cru, ainda assim está muitas vezes presente nos cozinhados. Eu sei, que quando ele perde o sabor e é sujeito a altas temperaturas também perde as propriedades mas o óleo de côco não é propriamente barato, e sempre é melhor o azeite caseiro do que o óleo.

- Substituir o açúcar branco pelo mascavado - O açúcar que consumo é aquele que já vem nos alimentos, porque não bebo café, o chá bebo sem açúcar (não gosto mesmo com açúcar) e de resto só se for nos bolos que a minha mãe volta e meia não dispensa fazer...

- Eliminar (ou reduzir ao máximo) a ingestão de fritos - Tentei e são uma minoria.

- Eliminar (ou reduzir ao máximo) o consumo de junk food - Pois, aqueles fins de semana...

- Aumentar as doses diárias de fruta e legumes - Adoro fruta, os legumes é que não estão tão presentes quanto deviam.

- Jantar entre as 18h e as 20h (quanto mais cedo, melhor) - Sempre antes das 20:30h.

- Se tiveres fome antes da hora de dormir, opta por uma peça de fruta - Pois, esta hora é crítica, mas tentei controlar-me.

- Beber, pelo menos, 1,5L de água por dia (podes descarregar a app Water Your Body, que calcula a quantidade necessária para o teu peso e altura) - Esta é uma das que me deixa mais triste não cumprir...mas continuo a tentar.

- Manter bons hábitos de sono - Por vezes meio trocados, mas bons no geral.

- Fora de casa, levar sempre um snack leve para evitar lanches menos saudáveis - É um hábito antigo já e tento que sejam sempre saudáveis.

- Fazer meia hora de exercício diário e aproveitar cada oportunidade para nos movermos (caminhar sempre que possível, usar escadas, etc) - Yeahh, aqui sim, melhorei e muito! Tenho feito bastantes caminhadas e também já algumas corridas (pequeninas mas contam!).


No final acho que o balanço é sempre positivo porque me desafiei em cada dia e passei a ponderar sempre as minhas decisões, por isso é para continuar para ser sempre melhor e melhor.

Vê também

13 comentários

  1. obrigada pelo comentário <3
    este desafio é uma excelente iniciativa, adoro :D

    www.pinkie-love-forever.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. É com pequenos passos que se começa e, consoante a nossa vida e o nosso dia-a-dia, temos de tentar impor as regras saudáveis. Com calma conseguiremos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, não se consegue mudar radicalmente assim do nada...

      Eliminar
  3. Este post é uma inspiração. Adorei a introdução que deste, a sério. Muito genuína!
    As dicas no fim são ótimas e são as mais "básicas" mas que custam muuuito inicialmente. :)
    Resumindo, Adorei!
    Muita força, beijinhos.

    http://afixedoblog.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  4. Nice post and very amazing blog... ♥
    do you want to follow each other on gfc? let me know :)

    http://itsmeieva.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Experimenta, pelo menos depois podes comparar e escolher o melhor para a tua pele :) Obrigada pelo comentário.

    Acho este desafio muito interessante e vais ver que, com o passar do tempo vais te habituar a comidinha mais saudável. Eu falo, mas de vez em quando também faço uns errozitos hahah :)

    With love,
    http://bonjourjanie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  6. Estamos juntas!

    Mónica Rodrigues dos Santos
    http://cupcakewomen.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Optimas dicas.
    http://missandmiss.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar

Posts populares

Arquivo

Blogs de Portugal

Subscribe