Ainda existem cartas de amor

segunda-feira, abril 13, 2015

Ainda se escrevem cartas de amor, porque ainda existe amor. O amor não morreu, só anda perdido na falta de paciência para o procurar, porque o amor é difícil como já diziam os grandes poetas, e é preciso encontrá-lo e cuidar dele.
Eu acredito no amor para sempre e quero acreditar. Quero acreditar que depois de uma discussão vai sempre existir uma daquelas forças que a física explica, daquelas forças que os cientistas estudam, uma força que nos puxa um para o outro, e é como se o amor fosse feito de gravidade. Somos um peixe perdido e confuso que sai fora d'água, mas no fim és o meu oxigénio, a minha liberdade, a minha vida.
Não sei se há quem não queira encontrar este amor, mas eu sou feliz assim e não podia ser de outra maneira.
Eu acredito no amor em cada sorriso, em cada olhar, em cada minuto que esperas para ouvir a minha voz, em cada abraço que anseio. Eu acredito no amor louco, no amor com altos e baixos mas que no fim encontra sempre uma maneira.
Este amor não existe se não acreditarmos nele, se não formos capazes de o olhar nos olhos e de o fazer acontecer. E enquanto este amor existir vão existir cartas de amor. E foi com todo o amor que recebi esta.


Vê também

5 comentários

  1. Eu tenho o hábito de escrever sempre um postalinho ao meu namorado nas datas especiais :)
    O amor só é amor quando é escrito, lido e relido :)
    Um beijinho*

    ResponderEliminar
  2. Não poderei dizer qe mando cartas de amor, porque a tenho aqi tao perto:) mas lá de vez em quando envio a minha cartinha:) amigos, familia:') torna tudo bem mais giro e pessoal;)

    ResponderEliminar
  3. Cartas é algo tãão bonito. Não devia de facto ser deixado de parte. Devia ser para levar para a eternidade.

    Eu também acredito no amor. Senão for para acreditar nisso, então acreditamos em quê?

    Ela
    www.elaeele-nos.blogspot.com

    ResponderEliminar
  4. gostei muito do teu texto :)
    eu também adoro cartas de amor e, sempre que se proporciona, peço ao meu namorado para me escrever uma. além de ser muito bom ler, acho uma excelente recordação para mais tarde!

    beijinhos *

    ResponderEliminar

Posts populares

Arquivo

Blogs de Portugal

Subscribe