Crónicas de uma miúda em Erasmus #1

domingo, março 01, 2015

life quote | via Tumblr

A viagem começa muito antes, e foi exactamente nos momentos antes de começar que entrei na fase do "mas o que é que eu fui fazer?". Esta fase de negação é habitual em mim. Quando algo de importante vai acontecer, nos dias antes eu só penso "mas eu estava tão bem em casa, não quero ir...". 
Esta pergunta repetiu-se imensas vezes na minha cabeça, mas julgo que seja algo normal quando estamos perante grandes decisões, quando é tarde de mais e só temos que saltar sem olhar para trás. O próprio D. Afonso Henriques deve ter pensado que seria melhor ficar em casa do que fundar Portugal, mas nem sempre o mais fácil é o melhor.
Eu sonho bastante. Tanto sou pessimista e choro facilmente, como de repente já consigo ver o copo meio cheio. Às vezes não vejo o lado mau e sou como uma criança encantada que aceita um doce de um desconhecido sem pensar nas dores de barriga. Só tenho pena é que não seja assim com tudo e que seja em exagero em algumas situações.
Ter uma experiência destas foi algo em que sempre pensei mas nunca acreditei verdadeiramente que fosse acontecer, só que puff, aconteceu e aqui estou eu. Talvez o facto de ter acontecido inesperadamente me tenha tapado a visão para o que os outros vêem, especialmente os que me são mais próximos. A verdade é que quando se tem uma relação esta decisão a decisão não é só nossa e há muito em que pensar, muito que reflectir, e é este ponto que me deixa o coração mais apertado. Não por ter medo que acabe, não por ter medo que algo aconteça, mas porque é o mais difícil e porque estão em causa não só os nossos sentimentos mas os de outra pessoa. 
Tal como ele eu não acredito que seja preciso estar longe para provar nada, mas é uma grande prova de amor e de confiança que eu nunca vou esquecer. 
Obrigada por me deixares voar e saberes que vou voltar para ti.

Vê também

4 comentários

  1. Concordo contigo, sou tbm assim "aii nao quero, o qe me deu na cabeça para me inscrever? e se isto e aquilo?" mas o primeiro passo é levantar a peida da cama e andar.
    Beijinho
    http://adonadasushi.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Como eu te compreendo! Momento antes de algo importante acontecer só me apetece voltar atrás e desistir, mas felizmente vou em frente e nunca me arrependo!
    Aproveita bem esse momento e a experiência de viver noutro país :D
    beijinho*

    ResponderEliminar
  3. Uma amiga minha esteve de erasmus em Budapeste no semestre passado e amou! :)
    Boa sorte!

    ResponderEliminar

Posts populares

Arquivo

Blogs de Portugal

Subscribe